Tangará: Família é feita de refém por bandidos

Espalhe o amor

O sequestro aconteceu na noite da última segunda-feira (17.05), a esposa e os filhos de um Policial Militar da reserva foram mantidos reféns de bandidos durante horas.

A descoberta ocorreu após os criminosos enviarem uma foto da mulher e da criança para o Policial e fazer ameaças.

A Polícia Militar que esteve a frente da ocorrência acredita que os bandidos sabiam quem eram as vítimas uma vez que a principal exigência era de que o marido e pai dos reféns não acionasse a PM.

A mulher informou à que foi abordada pelos sequestradores que estavam em uma camionete, próximo a sua casa. Abalada, ela não conseguiu identificar a cor do veículo usado na ação.  A vítima foi então levada em seu próprio carro para uma estrada rural. Imediatamente Serviços de Inteligência da Polícia Militar e investigação Polícia Judiciária Civil foram acionados para colaborar com as buscas e no levantamento de informações de onde os criminosos poderiam estar com os reféns.

O esposo então teria recebido a localização de onde seria o cativeiro da família. Os policiais se dirigiram ao local, mas encontraram apenas o carro da vítima, abandonado.  Em buscas pela região, alguns metros de distância do carro, os policiais ouviram gritos e pedidos de socorro, onde para o alívio do pai, sua família foi encontrada.

A mulher e a criança foram levadas até a unidade médica, pois devido ao trauma, sofreram de mal-estar, posteriormente foram para o CISC para a confecção do boletim de ocorrência.

 “Nenhum objeto, absolutamente nada foi levado da vítima. Eram dois homens, altos, morenos, magros, que entraram no veículo, um no banco de trás e outro tomou a direção do carro. Qualquer informação pode nos ser revelada anonimamente, a identidade será mantida no mais absoluto sigilo”, pediu um dos policiais que participou do resgate.

Publicidade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *