Tangará: “Gerente” do tráfico que atuava no crime organizado é preso pela Polícia Judiciária Civil

Espalhe o amor

A PJC realizou a prisão de mais um “gerente” do tráfico em Tangará da Serra. A ação faz parte da missão desencadeada pela Polícia Civil de Tangará da Serra para frear os autos índices de incidência do tráfico no Município.

Na ação do dia 21 os investigadores cumpriram mais um mandado de prisão expedido pela juiza da segunda vara criminal do Fórum de Tangará da Serra. O criminoso foi preso em seu local de trabalho. Foram apreendidos com ele mais de R$ 4.000,00 que seriam depositados ainda no dia 21 para realizar pagamento de mais entorpecente.

A investigação que levou a prisão desse traficante investiga a atuação de uma organização criminosa no município. Essa organização denomina seus integrantes de acordo com a função de cada um. Esse ano já foram presos outros dois apontados como “gerente”, e “disciplina”. As prisões foram feitas semanas atrás, sendo o “gerente” que também distribuía drogas a outros traficantes. E o “disciplina” tinha a função de punir outros traficantes que não cumpriam as regras dessa organização criminosa.

Esses três indivíduos presos agiam especificamente na região sul e leste de Tangará da Serra, sendo a Avenida Brasil ponto de referência para delimitar a atuação dos grupos de criminosos. Quem vende drogas nas regiões sul e leste não podem vender nas regiões norte e oeste segundo as regras dessa organização.

Segundos os Investigadores ao longo da investigação que já dura mais de um ano, perceberam a atuação desses indivíduos. Eles agiam na liderança dos outros traficantes. Perceberam também que mesmo sendo líderes suas condições financeiras eram ruins, provando que o tráfico de drogas visto por muitos como mina de ouro, acaba que não trás benefícios financeiros expressivos para os pequenos traficantes que acabam amontoando dívidas enormes cada vez que são presos. A perda da droga, bens e custas com suas defesas perante a justiça geram dívidas que os forçam muitas vezes a roubar e furtar.

A Polícia Judiciária Civil continua investigando para trazer até a justiça outros indivíduos que tenham relação também com o tráfico de drogas. Os Investigadores estão de prontidão e contam com a população de bem para denunciar criminosos que atuam no município.

Disk denúncia 197

Assessoria PJC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *