FIM DO MISTÉRIO: Restos mortais de jovem desaparecido há sete meses são encontrados pela PJC

Espalhe o amor
Foto Olhar do Norte

Os restos mortais do Jovem João Vitor de Jesus Soares, desaparecida desde Junho de 2021 foi localizado pela Polícia Judiciária Civil na manhã desta quarta-feira (02.02) em uma região de mata próximo ao Assentamento São José.

O fim do mistério que rondava o desaparecimento do jovem teve fim após um dos suspeitos ser identificado e apreendido pela Polícia Judiciária Civil de Tangara da Serra.

Segundo a Delegada a frente do caso Alessandra Márquez, a motivação do crime seria o “código de ética” de facções criminosas.

“Na verdade tudo começou com desentendimento por causa de uma mulher. A gente suspeita que seja aquele código de ética que existe entre faccionados, porque a mulher envolvida na situação estaria saindo com João Vitor e tinha envolvimento com outro homem, membro de uma facção criminosa. As linhas de investigações seguem essa linha de que a facção tenha ‘cobrado’ essa conta.”

Ainda segundo a delegada, o jovem teria sido atraído até a casa de um dos suspeitos e ali teria sido agredido e posteriormente levado para a região de mata, local onde foi assassinado e seus restos mortais encontrados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *